16 abril 2014

O Peru está na moda: se inspire!

Uma cultura recheada de cores, histórias e muitas paisagens incríveis… o Peru está na moda! Tanto que a novela da Globo, a culinária e os pequisadores de tendências estão com os olhos completamente voltados para o país das lhamas.

E para falar mais desse país maravilhoso, eu fui convidada para palestrar sobre a moda peruana no encontro que acontece hoje, o Mulheres em Pauta Glamm, que vai trazer a cultura do Peru em arte, moda e culinária durante um almoço no restaurante Moana. Vocês estão convidadas! Vai ser super informativo e inspirador. Como diria Inara Almeida (organizadora do evento), tim tim!

Mas como nem todo mundo vai poder ir ao evento, trouxe aqui um pouquinho da história da moda do Peru para quem tem curiosidade em conhecer, aliás, vale à pena a leitura, porque é muito interessante.

Quem aí já não cansou de ver as Wayuu bags espalhadas em editoriais de moda e nas mãos de muitas fashionistas? A bolsa de origem Colombiana mostrou um pedacinho da cultura latina e desapareceu. Na moda é assim, a gente pega um pedacinho de uma história e multiplica diversas vezes… até cansar. Mas a verdade é que a moda não cansa quando se entende o conceito e a história que existe por trás de cada peça.

Agora é a vez do Peru, um país com uma forte e tradicional atividade têxtil herdada dos tempos dos Incas. Aliás, falar do vestuário peruano é falar diretamente dos costumes Incas, já que a civilização que se formou nos Andes é na verdade a base de toda a cultura deles.

A civilização Inca existiu de cerca de 1.200 a 1533, quando a invasão espanhola a destruiu. É famosa por ter sido extremamente organizada e moderna para a época, dizem que nesse grupo não havia ladrões, viciados ou mulheres adúlteras, a sociedade vivia em plena harmonia. Além disso, eram super avançados na arquitetura, nas artes e na confecção textil. As mulheres produziam tecidos finos com desenhos exuberantes.

"O artesanato têxtil alcançou, entre os incas andinos, um grande apuro técnico. Os tecidos incas destacavam-se pelos estampados variados e de cores vivas. Os incas conheciam a técnica de produção de vários tipos de tecidos graças à facilidade de matéria-prima: cultivo de algodão e as lãs fornecidas pelas lhamas e alpacas. No artesanato têxtil era comum a aplicação de plumas nos mantos e chapéus."
A excelência dos ofícios artesanais no Peru manifesta-se, por exemplo, na harmonia dos desenhos geométricos nos tecidos.

CARACTERÍSTICAS DA MODA PERUANA:

Formas geométricas abstratas: na arte de tecer os Incas se especializaram em fazer desenhos geométricos abstratos, utilizando a mistura de fios coloridos.

Adornos múltiplos: Os incas gostavam de se adornar. Quanto mais ricos e elaborados os tecidos mais dispendiosos e caros, e acabavam por demonstrar o nível social do usuário. Gorros e chapéus faziam parte do traje típico

Tribalismo: o estilo tribal se destaque, já que a civilização Inca era formada por diversas tribos e o vestuário servia para demarcar esses territórios culturais.

Jóias: Os homens incas usavam muito mais joias que as mulheres. Os mais ricos usavam pulseiras de ouro e brincos enormes, quanto maior o brinco mais importante era a pessoa que o usava.

Para inspirar eu trouxe um editorial de moda feito pelo fotógrafo peruano Mario Testino, um dos mais famosos do metier da Vogue. Ele tem vários trabalhos que valorizam a cultura do seu país de origem, entre eles vale destacar o projeto Alta Moda, no qual fotografou os trajes típicos andinos. E quem quiser saber mais, é só me encontrar hoje no Mulheres em Pauta. Até lá!
















SERVIÇO:
Mulheres em Pauta
Data: 16.04.2014 - 12hs
Local: Moana Restaurante
Avenida Beira Mar, 4260 - Mucuripe
Valor do almoço: R$ 80,00

Nenhum comentário:

Postar um comentário