11 janeiro 2018

Por que o preto foi destaque no tapete vermelho do Globo de Ouro?


Atrizes vestiram luto de gala para denunciar casos de assédio, abusos e falta de igualdade de gêneros dentro dos âmbitos de Hollywood.

Neste último domingo (7) aconteceu o Globo de Ouro (Golden Globo), evento que premia anualmente os melhores profissionais do cinema e da televisão dentro e fora dos Estados Unidos, realizado em Los Angeles e transmitido pelo canal TNT.
            A premiação destaca os melhores atores, filmes e séries, mas nesta edição de 2018, o maior destaque foi para as roupas usadas no evento. Embora o estilo das atrizes e atores seja sempre um ponto alto desse tipo de comemoração, neste ano foi, definitivamente, o assunto mais comentado nas redes sociais e na imprensa.
O tapete vermelho se vestiu de preto. Uma campanha intitulada de "Time's Up" (ou "o tempo acabou"), criada por atrizes inconformadas com a lista quilométrica de mulheres assediadas pelo produtor Harvey Weinstein, propôs que todas elas (atrizes) fossem ao Globo de Ouro vestidas de preto, e o resultado foi um longo desfile de luxuosos vestidos negros, discursos políticos nas premiações e a sensação de que as mulheres unidas ganham, a cada dia, mais força.
Como esse momento se traduz na moda? Vestidos ultra femininos, cheios de babados e com muito poder. Fiz uma seleção dos meus 5 look favoritos.
Kendall Jenne de Gimbattista Valli

Nicole Kidman de Givenchy Couture

Lily Jame de Valentino

Millie Bobby Brown de Calvin Klein





Lena Headey de Elie Saab

Nenhum comentário:

Postar um comentário